Etiquetas inteligentes economizam tempo e exigem menos mão de obra

foto etiquetas - FINAL

Nova tendência do mercado varejista reduz margem de erro e conecta todos os setores

O varejo está passando por mudanças que são o resultado de uma série de avanços tecnológicos e a clássica etiqueta de papel com o preço, pode se tornar uma coisa do passado. As etiquetas eletrônicas possibilitam aos empresários conectar os balcões de atendimento com o caixa de forma rápida, prática e segura. Ao migrar para o sistema das etiquetas digitais, os empreendimentos otimizam o tempo e os processos dentro da empresa, qualificando seus serviços.

– Essas inovações trazem uma importante evolução para o mercado de varejo, já que facilitam as ações manuais do dia-a-dia, gerando economia e reduzindo a margem de erro – explica o dirigente da Opticon Brasil, empresa parceira do JPG Group, Jalale Farhat.

Outro benefício é a velocidade com que a tecnologia torna possível atualização de preços que são reajustados por razões variadas ou promoções. O principal beneficiado deste avanço nos mecanismos da loja, são os compradores que passam a dispor de diversas informações sobre os produtos, como dados de validade e qualidade. Para fins de estoque, isto fica ainda mais rápido e produtivo.

A estimativa é que estes processos possam economizar um tempo de seis a oito funcionários, o que libera o colaborador para dedicar-se a outras tarefas. A Conquiste Tecnologia foi a empresa pioneira do RS a instalar o primeiro supermercado com etiquetas eletrônicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


7 × oito =